Aprenda Mais Rápido!
Ficha de Avaliação de Vinhos
Receba agora nossa ficha e comece a avaliar seus
vinhos com os amigos de forma profissional!
Baixe agora. É grátis!
Quero receber a ficha de avaliação grátis!
Não, obrigado.

Eu acho que uma das características principais do vinho, é a versatilidade que ele tem. Para quem quer explorar esse mundo, a grande dificuldade – e prazer – é a variedade que ele oferece. São diversos tipos, uvas, estilos, e cada um é apropriado para um momento. E o vinho a dois?

Quer surpreender aquele namorado ou namorada romântico? Quer apresentar algo pro parceiro(a) de longa data? Um aniversário de casamento, talvez? Vamos lá.

O romantismo no vinho

Quando um casal se une, o melhor motivo para beber vinhos, é viajar. E eu não estou falando de fazer as malas e sair por aí. Embora essa não seja uma má ideia. Viajar com o parceiro no mundo do vinho, pode ser ainda mais barato e interessante. O prazer de conhecer o mundo juntos é forte, e pode ser traduzido dentro de duas taças de vinho.

Porém é preciso tomar alguns cuidados para que uma noite a dois com vinho dê certo e flua normalmente. Eu pensei nessas três para você começar a pensar sobre.

3 dicas para curtir vinho a dois

  1. Mantenha a simplicidade. Exatamente. Não dê passos mais largos que a perna. Se você conhece pouco sobre vinho, não vá muito longe. Escolha um vinho que os dois conheçam, ou que seja familiar para uma grande maioria, assim você não corre o risco de abrir algo que nenhum dos dois vai gostar de por na língua;
  2. Não se preocupe com os rituais. Faça como quiser. Siga seu estilo. Abrir um vinho não tem regras. Use o abridor e aproveite o momento;
  3. Na hora de servir, não precisa apresentar o vinho. Isso só vai mostrar o grau de ansiedade que você deposita naquele rótulo. Ponha a mesa, sirva e aproveite. Na melhor das hipóteses, o comentário sobre o vinho surgirá naturalmente.

Mas tudo bem, se você está seguro e quer fazer essa noite ser um sucesso, você precisa de umas dicas para escolher o vinho a ser degustado a dois. Vamos lá.

8 dicas para escolher o vinho a ser apreciado a dois

  1. Quer um momento sedutor? Aposte no rosé. A cor, o charme, o toque. Tudo remete a sedução. Principalmente se você quiser conquistar uma mulher. Para as mulheres querendo agradar um homem, um tinto cai melhor.
  2. Estão comemorando algo? Espumante, claro! Quer bebida mais festiva? Não há. Você pode apostar em bons espumantes da faixa dos R$ 50 da Serra Gaúcha. Há vários exemplares excelentes. Para seco, brut, meio seco, demi-sec. Aprenda mais sobre a diferença dos espumantes.
  3. Para uma noite a dois, a gente indica algo frutado, romântico, leve e sexy. Para isso, os Pinot Noir da Nova Zelândia ou da Califórnia são excelentes. O famoso Zinfandel americano também.
  4. Tente não harmonizar, a não ser que você saiba o que está fazendo. Harmonizar é quase uma arte, leva algum tempo para você aprender. Se você tiver noção, faça, caso contrário, deixe para quando você estiver mais preparado.
  5. Cuidado com o dente vermelho. Exato, o vinho é cheio de taninos, que pode deixar seus dentes bem vermelhos. Quanto mais tânico, encorpado, forte, for o vinho, maior o potencial para deixar os seus dentes vermelhos. Próteses e restaurações tendem a ficar ainda mais escuros.
  6. Não se preocupe com o vinho nos móveis, toalhas, sofás. Isso é o de menos. Se você escolheu aproveitar o vinho e o seu companheiro(a), é isso que você deve fazer. Esse dia é livre e acidentes acontecem. Nada é mais desconfortável que sentar um um sofá e ter que tomar cuidado para não deixar uma gota de tinto cair no mesmo com medo da reação do anfitrião.
  7. Tá planejando em deixar as coisas mais quentes? Alguns estudos indicam que o vinho pode facilitar a atividade sexual, tanto para eles quanto para elas, até fiz uma postagem sobre isso. O vinho pode servir para tirar aquela ansiedade extra que rola em alguns encontros.
  8. É muito importante – mas muito mesmo -, você entender que há duas formas de tomar vinho. Uma delas é degustar o vinho, e a outra é simplesmente beber. Para a primeira, você precisa ter algum conhecimento, para a segunda, você precisa ter apenas vontade.

E aí, já está mais confiante para fazer a escolha? Caso não esteja, lembre sempre que eu estou a sua disposição para ajudar. Mande um e-mail com a sua dúvida para marcos@vemdauva.com.br e pergunte. Vou responder rapidinho 😉