Tipos de Uva: entenda as diferenças no vinho

Beber vinho é sempre agradável, né? Mas sempre rola aquela imensa sensação de que você sabe muito pouco sobre quase nada. E sobre os tipos de uva, você sabe o suficiente?

Quando começamos a conhecer as uvas, parece que tudo está perfeito. A gente começa conhecendo bem a Cabernet Sauvignon, a Merlot, a Chardonnay. Mas aí chega aquele artigo interessante sobre um vinho e você começa a saber que existe muito mais lá fora do que pensa sua vã filosofia. E o pior é que é isso aí mesmo. Existe vida além da Cabernet.

Tipos de uva

Nebbiolo, Sangiovese, Pinot Mounier, são apenas algumas das curiosas cepas que nos trazem tanta alegria no dia a dia mas que são bem menos conhecidas, pelo menos aqui no Brasil.

Mas vamos começar do comecinho, que é pra você se sentir confortável pra conhecer um pouco mais sobre cada variedade de uva.

Você sabe o que é uma cepa? Ou uma variedade? Eu te conto. É um tipo de uva. Tecnicamente chamamos de “cepa” ou “variedade”, mas nada mais é do que um “tipo de uva”.
Tipos de uva

Portanto, se você ler daqui pra frente aqui ou em outros blogs sobre “cepa” ou “variedade”, não precisa se enrolar nem ficar assutado. É apenas “tipo de uva” em tecniquês.

Então, o que é uma cepa ou tipo de uva?

As vinhas de Vitis vinífera (aprenda mais sobre a diferença entre Vitis Vinífera e Vitis Lambrusca nesta postagem aqui) foram tomando diversas formas durante o passar dos anos, de acordo com mutações naturais e também ocasionadas pelo homem.

Assim, foram surgindo diversas variedades, que são os tipos de uva que temos hoje. Originária da Ásia Menor, as vitis viníferas tomaram o mundo, tomando características locais e se desenvolvendo de acordo com a região.

A essas variações, deram-se os nomes: Carbernet, Merlot, Malbec e etc.

Qual a diferença entre os tipos de uva, cepas/variedades?

Bem, elas são várias! Fisicamente temos as diferenças de cor, de tamanho, de formato de folha e de formato de cachos, pra citar alguns.

Tipos de uva

Mas neste momento nos interessa o vinho, então vamos a ele. Cada uva dá um caráter diferente ao vinho. Vamos tomar como exemplo a querida Cabernet Sauvignon, uma uva que tem teor de açúcares e taninos relativamente elevado, de aromas intensos, resultado em vinhos de maior corpo.

Um vinho com mais acidez – proveniente de uvas brancas ou que maturam com pouco açúcar natural – são mais refrescantes e leves. No caso dos brancos, geralmente estes tipos de uva são as bases para espumantes (Aprenda aqui como escolher espumantes para o reveillon). Já os feitos com uvas de maturação longa são mais estruturados.

Em resumo, há uvas de maior corpo e estrutura, os cortes ou assemblages (mistura de mais de uma uva) levam o vinho onde se quer. Portanto cada porcentagem de uva é calculada pelo enólogo para alcançar o resultado que se quer.

No caso de vinhos com uma única uva, o enólogo precisa saber se a uva tem estrutura ou não para alcançar o resultado desejado, como por exemplo, um vinho de guarda. Ele terá também técnicas para deixar o vinho mais estruturado, caso não tenha a potência desejada.

4 Curiosidades sobre tipos de uva

Tipos de uva

  • No Chile, basta o vinho ter apenas 85% de uma única uva para poder ter o nome da mesma estampado no rótulo. Ou seja, se você toma um Chardonnay chileno, ele pode ser, na verdade, 85% Chardonnay e 15% Viognier, um outro tipo de uva.
  • Um vinho de Sauvignon Blanc vai apresentar notas frutadas, florais e vegetais, comuns a todo e qualquer Cabernet Sauvignon do mundo, porém o local onde foi plantado – o terroir – a latitude, a data da colheita, clima e vinificação vai influir no resultado e variar em sua trama aromática. Por isso cada local faz um vinho diferente, embora da mesma cepa.
  • Há mais de 40 mil tipos de uvas no mundo, mas nem todas são realmente diferentes. Em alguns países, a mesma uva muda de nome. De fato, temos 5 mil tipos de cepas no mundo, tirando as variações de nomes.
  • Na França não é comum termos o nome da uva estampada no rótulo, sabe-se que Bordeaux produz vinhos de assemblages de Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon e Merlot, e as vezes com uma quarta uva para dar um toque final. Não é regra, mas é o comum. Já Borgonha produz vinhos de Pinot Noir e também é famosa pelos brancos de Chardonnay.
Na WINE.COM você pode fazer compras de vinhos por tipos de uvas. Pra conferir, clique aqui.

Gostou das fotos dessa postagem? Então inscreva-se no nosso blog. Nossa próxima postagem será um guia sobre cada tipo de uva, características e como reconhecer com fotos. Traremos um guia com as principais uvas tintas e brancas cultivadas no mundo para a produção vinícola.

Este post foi útil?

Clique em uma estrela para votar!

Nota média / 5. Contagem de votos:

Este post ainda não tem votos, seja o primeiro!

Artigos Relacionados

Comente e entre na conversa! 🙂

8 Comentários. Deixe novo

  • Marcos Marcon
    Silvia Waengertner Pires
    28 jun, 2020 20:26

    Marcos, boa noite! Parabéns pelo site! Está muito bom… Estou iniciando um negócio de Platter Box & Gift, e solicito sua autorização para postar algum conteúdo do seu site, sempre indicando a referência. Tem muito conteúdo interessante que serve como orientação para o público, no meu caso, conteúdo de informação como dicas de harmonização, tipos de vinhos, taças, uvas, etc.
    Minha página do Instagran: @platterboxsilvia
    Agradeceria muito sua atenção,
    Abraços,
    Silvia

    Responder
    • Silvia, fique a vontade! Sempre dou liberdade pra republicação de nossos conteúdos, só peço que se for Insta, nos credite a fonte @vemdauva.com.br, e se for em blogs, link para a postagem original. Seguindo essas regrinhas pode usar nosso conteúdo a vontade, nosso objetivo é difundir o conhecimento e a paixão por vinho, quanto mais gente alcançarmos, melhor!

      Marcos Marcon.
      Editor

      Responder
  • Amo vinhos,porém,não entendo nada,so sei separar o tindo do rose e branco…Estou lendo tudo que vejo para tentar entender um pouquinho!

    Responder
  • Marcos Marcon
    Robert Ferreira
    15 jan, 2019 16:54

    Estou super empolgado com seu blog. Estou tirando muitas dúvidas!!
    Obrigado ^^

    Responder
  • Gostei,bem,

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu