Avaliados
2 Comentários

Avaliação: Núbio Cabernet Sauvignon 2007

A Sanjo, empresa catarinense da cidade de São Joaquim, no início dos anos 2000 deixou de ser apenas excelência na produção de maçãs e outras frutas de clima temperado para também passar a investir em vinhos, onde o Núbio Cabernet Sauvignon é um deles.

Hoje, no terroir de altitude da serra catarinense vem produzindo vinhos de alta qualidade, sendo que muitos de seus tintos com potencial para guarda.

Núbio Cabernet Sauvignon fica abaixo de R$40

Na procura por um bom vinho abaixo dos R$40,00, encontramos o Núbio Cabernet Sauvignon 2007, uma safra já de quase 10 anos, meio arriscado, no entanto, como já temos em mente que os vinhos de altitude na maioria das vezes evoluem para melhor com o passar dos anos, demos então uma chance.

Ao abrirmos o vinho, a coloração na taça era intensa e profunda, de coloração vermelho rubi, não muito brilhante. Já havíamos experimentado um branco da mesma vinícola que você pode ler a review aqui: Sanjo Nubio Sauvignon Blanc 2013.

Quanto aos aromas, em primeiro plano sentiu-se os aromas de frutas escuras, como mirtilo, e também de frutas em compota. Já em segundo plano, os aromas provenientes do carvalho apareceram, como a baunilha em alguns momentos, além de traços de café, em poucos momentos o herbáceo, aromas característico em tintos da região deu as caras ao lado dos aromas frutados.

No paladar, um vinho de excelente corpo, taninos elegantes, acidez presente e agradável, de boa persistência, sem amargor. Um vinho muito fácil de beber.

Harmonização do Núbio Cabernet Sauvignon 2007

Na ocasião, assamos um pedaço de frescal, carne famosa também na Serra Catarinense, que harmonizou perfeitamente com um Cabernet Sauvignon de quase 10 anos. Mais uma vez vinhos nacionais demonstrando seu potencial.

Você já conhecia esse vinho ou seu produtor? Conte para nós sua experiência. Se já degustou, conte para nós como foi sua experiência, ou baixe nossa ficha de avaliação e compartilhe conosco sua nota! Nós demos ao Núbio 93 pontos.

Tags:
Mais Lidos

2 Comentários. Deixe novo

  • Gostei muito do comentário, da análise sobre o vinho, e sobre o vinho poderia ter uma notícia atualizada sobre a questão do preço, pois em 2.016 esse vinho Núbio custava cerca de 40 Reais, mas e hoje em 2.021 vai CUSTAR QUANTO JÁ NA SEMANA QUE VEM. Estamos há uma semana de acabar 2.020, qual o preço no comércio dessa garrafa?

    Responder
    • Oi William!

      Bem colocado, eu ainda consumo bastante esse vinho aqui em casa pelo custo benefício. Trouxe do mercado 3 delas ontem e saiu por 47 cada uma, na Rede Angeloni aqui no sul. Mas já vi o mesmo vinho por até 79 reais, e não era restaurante, que costuma por margem de lucro muito alta. O Sauvignon Blanc da Sanjo é um bom exemplo, encontro de 55 a 80 reais também.

      O que cria essa grande variação são os tipos de negociações que a Sanjo consegue com o Angeloni, que compra em grande quantidade. Eu estou bebendo a safra 09 ainda, e está excelente pra quem gosta de um vinho com potência. Por isso sempre tem que dar aquela pesquisadinha né. Indico também pra você o Merlot Torii da Hiragami. Um dos poucos Merlots da Serra Catarina que são fenomenais, prefiro ele ao Cab Sauv. https://www.vinhosevinhos.com/vinho-hiragami-torii-merlot-750ml.html vale a pena!

      Abraço!
      Marcos Marcon
      Editor

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu
  
 Cadastre-se  e Aprenda 
Sobre Vinho Grátis!
Toda semana você recebe uma aula exclusiva no seu e-mail, tudo grátis!
ASSINAR ➤
Aproveite! Em breve nossos cursos serão exclusivos para assinantes!
close-link