Aprenda Mais Rápido!
Ficha de Avaliação de Vinhos
Receba agora nossa ficha e comece a avaliar seus
vinhos com os amigos de forma profissional!
Baixe agora. É grátis!
Quero receber a ficha de avaliação grátis!
Não, obrigado.

Este vinho é um dos mais emblemáticos da vinícola cooperativa Aurora, gaúcha de muitos anos de tradição na produção de vinhos no Brasil. O Aurora Millésime já havia figurado nos vinhos do blog. Vamos ver a comparação das experiências mais a frente.

Este vinho foi elaborado nas safras de 1991, 1999, 1994, 2004, 2005, 2008, 2009, 2011 e 2012. Safras consideradas especiais para a vinícola.

Degustamos a safra 2008 e 2009

Nós do Vem da Uva, já provamos o 2008, e resolvemos provar o 2009, para confirmarmos a qualidade do vinho em safras distintas.

Dentre os aspectos visuais, o vinho demonstrou-se de coloração rúbi, já denotando a sua evolução com o passar do tempo, no entanto, bastante profundo, ainda com reflexos violáceos. Lembrando que você pode acessar nosso guia de degustação aqui.

O Aurora Millésime no nariz

Em relação ao olfato, seus aromas francos destacava-se o mentolado, no entanto, com um sutil aroma que lembram o metabissulfito de potássio (no contra-rótulo do vinho ele aparece como INS 220), com o passar do tempo na taça, os aromas vão se abrindo mais, aparecendo sutis notas de frutas em compota, pouco de baunilha, mas com o mentolado ainda presente.

O vinho em boca

Em boca, um vinho muito elegante, macio, mas sem perder a firmeza de seus taninos elegantes e persistentes. Bom equilíbrio entre álcool e taninos. No entanto, o vinho não apresenta muita acidez, o que pode deixá-lo levemente desequilibrado. É um vinho de média persistência.

Por se tratar de um vinho bastante complexo, nós indicamos que o vinha seja decantado no mínimo por 30 minutos, acredito que este seja um vinho para ser saboreado solo. Mas pode ser acompanhado de alguns queijos duros ou carnes vermelhas grelhadas.

A equipe do Vem da Uva atribuiu 86 pontos ao Millésime Cabernet Sauvignon 2009.