Aprenda Mais Rápido!
Receba Nossa Ficha de Avaliação
E comece agora mesmo a avaliar seus vinhos
com os amigos de forma profissional!
Deixe seu e-mail e tenha acesso gratuíto agora mesmo!
Quero receber a ficha de avaliação grátis!
Não, obrigado.

À cerca de quarenta quilômetros ao sul da cidade de Santiago no Chile, podemos encontrar um dos maiores tesouros do país. Estamos nos referindo a nada mais nada menos do que a Vinícola Santa Rita. Um local que se tornou alvo não apenas de turistas brasileiros, mas também de pessoas o mundo todo. Vamos conhecer mais?

Trazemos no post de hoje incríveis curiosidades sobre esse maravilhoso local que tem alimentado à paixão de diversos amantes de vinhos desde os anos 1880.

Trata-se de um vinícola muito renomada que já conquistou diversos prêmios em várias partes do mundo.

Veja à seguir algumas curiosidades sobre à Vinícola Santa Rita. Uma empresa que comercializa seus produtos em mais de 75 países ao redor do mundo.

Conheça a historia da Vinícola Santa Rita

A Vinícola Santa Rita foi fundada no ano de 1880 por Dom Domingo Fernández Concha. Ela se localizava na  área do Alto Jahuel, onde se encontram hoje em dia suas principais instalações. Sabe o que é mais interessante?

Desde essa época até meados da década de 70, a empresa foi administrada pela família García Huidobro.

Foi apenas em 1980 que o grupo Claro e a empresa Owens Illinois adquiriram a propriedade de Santa Rita. E com ela, algumas mudanças, que a gente vai ver a seguir.

Desde então essas empresas introduziram grandes avanços tecnológicos, além de técnicas inovadoras  para a produção de vinhos.

No final da década de 80, assim como no início dos anos 90, a Vinícola Santa Rita passou por um período de muita prosperidade. Isso se tornou possível devido ao forte impulso das exportações, além é claro, da ótima reputação de seus vinhos.

A partir disso à Vinícola Santa Rita adquiriu mais de 1.000 hectares de plantação com o intuito de garantir à fabricação de seus vinhos.

Essa área está distribuída entre os mais importantes vales produtores de vinhos do Chile. São eles, os vales de Maipo, Rapel, Lontué, Casablanca e Apalta.

O projeto Viña Carmen

No ano de 1992,  a Vinícola Santa Rita iniciou o projeto Viña Carmen. Esse projeto tinha como objetivo produzir vinhos finos voltados ao mercado internacional.

Porém foi apenas em 1997 que à  a Vinícola  Santa Rita fez sua primeira entrada no exterior. Foi nesse ano que formou-se a Vinícola Doña Paula PLC na Argentina.

Desde então, ela fortaleceu seu mercado.

Em 2003 a Santa Rita Europe Limited foi criada, com um escritório em Londres.

Além do Reino Unido, também foi criada a Santa Rita USA Corp., fundada em 2003 com um escritório em Miami.

Além da Santa Rita, várias marcas garantem diferentes tipos de produção de vinhos sob o Grupo Santa Rita.

Conheça os melhores vinhos da Vinícola Santa Rita degustados e avaliados por especialistas

Vamos analisar os principais vinhos da Santa Rita. Estes podem ser encontrados muitas vezes em mercados ou em lojas especializadas, dependendo da linha do vinho.

Vinho Casa Real Reserva Especial Cabernet Sauvignon

Um vinho tinto feito exclusivamente a partir de uvas Cabernet Sauvignon. Ele apresenta uma cor vermelho rubi de reflexos violáceos e aromas de frutas negras e vermelhas, além de notas florais, herbáceas e de eucalipto. Tudo isso com toques terrosos, de grafite e de baunilha.

Esse vinho traz um paladar elegante e estruturado, com boa acidez e ótima persistência, madeira bem integrada, além de taninos finos e um ótimo equilíbrio, um vinho excelente.

Vinho Santa Rita Casa Real

O vinho Santa Rita Casa Real apresenta uma  cor vermelho rubi translúcida com reflexos granada, aromas de frutas vermelhas e algumas especiarias, tais como notas balsâmicas, florais, minerais, e  tabaco.

Quanto ao paladar estamos falando de um vinho frutado, elegante e equilibrado. Uma bebida que possui acidez presente junto a taninos delicados. Um vinho que tem se destacado em diversas partes do mundo.

 

Vinho Santa Rita Floresta Cabernet Franc

Diferente dos vinhos anteriores,  esse vinho tinto  é elaborado a partir de uvas Cabernet Franc da região de Pumanque, no vale do Colchagua no Chile. Ele traz aromas de frutas negras maduras junto a  notas florais e minerais.

No paladar apresenta um sabor de fruta fresca e vibrante, é muito bem estruturado e cheio e de tensão, tem uma textura perfeita, acidez refrescante e um final persistente, junto aos toques de grafite.. Esse vinho tem um teor alcoólico de l 4,1%.

Medalla Real Cabernet Sauvignon

Esse vinho tinto feito a partir de uvas Cabernet Sauvignon apresenta um cor vermelho rubi com reflexos violáceos junto a aromas de ameixas e cerejas frescas. Ele possui notas florais e herbáceas com toques tostados, de baunilha e de grafite.

Na degustação é uma bebida com sabor frutado, estruturado e sedoso. Esse vinho  tem ótima acidez, taninos finos e um final persistente. Elegância, sutileza, potência e profundidade são apenas alguns dos fatores que o tornam tão perfeito.

Conheça os vinhos da Santa Rita!

Como vimos no post de hoje a Vinícola Santa Rita não é apenas uma empresa que fabrica vinhos, mas sim uma vinícola cheia de história e de paixões.

O grande trunfo da Santa Rita, como toda grande vinícola no Chile, é saber tirar o melhor de cada região vinífera do país. Estivemos no Chile em 2017 e pudemos conferir de perto.

Todos os grandes vinhos vem de regiões específicas, mesmo que da mesma vinícola.

Assim, conseguem uma qualidade superior de cada variedade de uva.

Quanto a Santa Rita, durante décadas ela tem se mostrado capaz de garantir vinhos de qualidade.

Esses vinhos têm sido comercializados em diversos países ao redor do mundo.