Aprenda Mais Rápido!
Ficha de Avaliação de Vinhos
Receba agora nossa ficha e comece a avaliar seus
vinhos com os amigos de forma profissional!
Baixe agora. É grátis!
Quero receber a ficha de avaliação grátis!
Não, obrigado.

Já com mais de 10 anos de mercado, a vinícola catarinense Villa Francioni lança o tão esperado vinho Dilor, homenagem ao idealizador do empreendimento.

O rótulo Dilor, foi elaborado com 6 variedades de uvas da safra 2009, considerada a melhor dos últimos doze anos, ano que o verão com longos períodos secos, e boa amplitude térmica permitiu que o terroir da Serra Catarinense pudesse demonstrar seu potencial.

A busca pela excelência, transformou o fundador da Villa Francioni, Dilor Freitas, numa referência no mundo do vinho. Foram anos percorrendo as melhores regiões produtoras e conversando com especialistas, para erguer um dos projetos mais arrojados da vitivinicultura nacional, à 1.260 metros acima do nível do mar, na cidade de São Joaquim. A variação de temperatura, o clima seco, a altitude e o solo pedregoso, além da dedicação de profissionais qualificados, proporcionaram a elaboração de vinhos de qualidade superior.

Dilor Freitas iniciou o projeto na Serra Catarinense aos 66 anos, faleceu antes das primeiras garrafas chegarem ao mercado em 2004. Onze anos após o início da comercialização, a Villa Francioni produz 160 mil garrafas por ano. O empresário acreditava no potencial da região para o enoturismo e os números confirmam essa visão, por ano mais de 40 mil turistas visitam a Villa Francioni, vindos dos mais diferentes cantos do país e do mundo, inclusive você saber o que alguns desses 40 mil turistas tem acesso, nesse post sobre a nossa visita à vinícola. 

A empresa é administrada pelos filhos Daniela, Adriana e André Freitas. A família, aguardou o momento ideal para celebrar a trajetória do fundador, lançando um vinho de notável superioridade. A safra escolhida é a de 2009, considerada a melhor desde 2004. Foram selecionadas 6 uvas para o elegante corte, formado pelas variedades: Cabernet Franc, Merlot, Malbec, Cabernet Sauvignon, Syrah e Petit Verdot. O vinho permaneceu por 30 meses em barricas novas de carvalho francês e passou por guarda de 2 anos de garrafa antes de ser comercializado.

O enólogo Orgalindo Bettú, responsável pela elaboração do vinho, destaca um dos diferenciais: “As notáveis características conferidas pela altitude, proporcionam ao vinho um extraordinário período de amadurecimento e evolução”.

Para celebrar este momento marcante na história da empresa, serão realizados quatro eventos de lançamento no país: em Florianópolis, Criciúma (cidade natal do fundador), São Paulo e Rio de Janeiro. O primeiro evento acontece no dia 04 de outubro, a partir das 20 horas, no Toro Steak House, na capital catarinense, exclusivo para jornalistas.

Para a presidente da Villa Francioni, Daniela Borges de Freitas, este momento é marcante para a empresa: ” O rótulo Dilor, é inspirado na paixão de meu pai, pela arte da vitivinicultura. Sua alma está presente neste vinho”.

Lembrando que a produção do rótulo Dilor é limitada.