Aprenda Mais Rápido!
Ficha de Avaliação de Vinhos
Receba agora nossa ficha e comece a avaliar seus
vinhos com os amigos de forma profissional!
Baixe agora. É grátis!
Quero receber a ficha de avaliação grátis!
Não, obrigado.

É uma pena que tantas pessoas ainda se sintam intimidades pelo vinho. Você não precisa ser um expert para apreciar uma boa garrafa da bebida. Esta postagem é exatamente para localizar você, que quer começar a aprender um pouco sobre vinhos mas ainda tem aquele certo receio.

Costumo dizer que você precisa ter duas coisas para começar a beber vinho. A primeira delas é a vontade, a curiosidade de aprender um pouco. A segunda é a boca.

Você pode ler milhares de livros, mas se você não praticar, não vai conseguir evoluir. E a grande diversão de gostar de vinhos está exatamente nessa parte – a de beber uma garrafa no fim do dia e compartilhar suas impressões com os amigos, namorada ou namorado.

Você não precisa ler todo o Vem da Uva, por exemplo. Você pode navegar pelas categorias que mais te chama atenção. Pode ler um pouco sobre os tipos de uva pra saber o que melhor se encaixa com o seu paladar, mas não precisa virar um expert em Malbec ou Merlot.

Vá brincando, tente diversas opções. Sempre que puder, vá até o mercado e escolha uma garrafa sem compromisso. Você vai descobrir um vinho novo e uma experiência nova cada vez que fizer isso. Aliás, muitas vezes o mesmo vinho comprado em duas oportunidades distintas pode te trazer experiências totalmente diferentes. Esteja aberto a experiências.

Então, o que eu preciso pra começar a beber vinho?

  1. Uma taça. Sim, porque é importante que você se ambiente com os acessórios antes. É preciso ser na taça? De preferência, sim. A taça completa a experiência de beber o vinho e ajuda a manter o líquido na temperatura ideal. Você não precisa de uma taça específica, qualquer taça serve. Depois você pode aprender sobre os diferentes tipos de taça, mas isso não é necessário nesse momento.

  2. Uma companhia não é necessária, mas ajuda bastante a trocar as experiências sensoriais que você está tendo com aquele vinho. E a máxima também funciona aqui, duas línguas sentem melhor que uma. Seu companheiro pode perceber aromas que você não percebeu e vice-versa. Beber vinho acompanhado é sempre mais legal!

  3. Determinação. Isso mesmo, você não pode deixar que o vinho vença você. Ele não morde, portanto, não tenha vergonha. Abra como você sabe, sirva como você sabe. Lembre-se: você é um aprendiz neste momento e errar é inevitável. A melhor maneira de aprender é errando. Permita-se.

  4. Esqueça a etiqueta do vinho. Para começar a beber vinho você não precisa ser elegante. Como eu já mencionei acima, você precisa é ser curioso. Deixe o serviço do vinho, as técnicas, o modo de segurar a taça, a garrafa e outros detalhes, pra depois. Agora você não precisa disso, e essas coisas só vão confundir a sua cabeça e tirar o foco do objetivo principal: conhecer o vinho.

  5. Um pouco de dinheiro. Sim, como todo hobby, este também vai lhe requerer algum investimento. Comece pelos vinhos mais baratos, um investimento de 20 a 30 reais em uma garrafa já pode começar a lhe mostrar bons vinhos.

  6. Esqueça um pouco os chilenos. Todo mundo sabe que o Chile faz ótimos vinhos, mas a supervalorização do vinho chileno não reflete a realidade. O Chile, a Argentina, a França e inclusive o Brasil fazem ótimos vinhos. São vários os países que produzem ótimos vinhos, você precisa saber escolhe-los. África do Sul é conhecida pelo seu ótimo Pinotage (uma variedade de uva). Não subestime outros países. Dê abertura ao novo.

9 dicas de livros sobre vinho separados para você pela nossa equipe

Para melhorar ainda mais o seu aprendizado sobre vinhos, nós também listamos aqui alguns vinhos básicos mas essenciais pra você começar a aprender sobre vinho. Vale a pena dar uma analisada com carinho: 9 Livros que a Equipe do Vem da Uva Indica Sobre Vinhos.

Quer aprender a avaliar um vinho passo a passo?

  1. Aprenda a Fazer a Análisa Visual do Vinho
  2. Aprenda a Fazer a Análise Olfativa do Vinho
  3. Aprenda a Fazer a Análise Gustativa do Vinho

Que tal por uma meta para o mês? 2 garrafas de vinho, pelo menos. É um bom modo de começar a conhece-los! 🙂