fbpx

Conheça o Vinho Branco: As 12 principais uvas de vinho branco

Por

Conheça o Vinho Branco: As 12 principais uvas de vinho branco
4.4
(27)

A primeira vez que bebi vinho fino foi com um Chardonnay. Eu nunca havia entrado naquela parte do mercado pra comprar um vinho. Logo o vinho branco começou a fazer parte da minha vida, como que por destino.

A experiência era nova. Até hoje não sei o motivo que me levou a fazer a escolha. Porém sabia que, o importante, era o resultado final.

O fato é que por este mesmo motivo, agradeço ao Chardonnay da Medrano. Foi através dele que minha paixão pelos brancos foi iniciada.

E não foi por aí que parei de gostar de vinho branco

Meu segundo vinho fino também foi um branco, um Torrontés, que por meses me acompanhou. Falar de vinho branco, pra mim, é sempre interessante.

As uvas brancas. Muitas vezes são as responsáveis por nos fazerem entrar no mundo dos vinhos finos. Seja em um branco, leve e aromático, ou através dos espumantes.

As 12 uvas principais de vinho branco que você deve conhecer

Vamos conhecer melhor as principais variedades de uva encontrada atualmente no mercado brasileiro?

Conheça o Vinho Branco: As 12 principais uvas de vinho branco

1. Vinho Branco Chardonnay

Origem: Borgonha, França.

Características do Chardonnay: Como fruto, possui película branca, sabor simples e pode ser aromática.

Estilos de vinho que produz: Produz vinho branco, quando varietal, pode ser frutado, de médio envelhecimento ou servir como vinho para espumantes.

Curiosidade: É um dos poucos brancos que se beneficia da fermentação/maturação em barricas de carvalho.

Chardonnay no Brasil: Tem uma área estável de plantio no Brasil, devido a qualidade obtida do vinho.


2. Vinho Branco Gewürztraminer

Origem: Alsácia, França.

Características da Gewürztraminer: Como fruto, pode atingir uma película levemente rosada quando madura, sabor picante e intensamente aromática.

Estilos de vinho que produz: Produz vinho fino branco, varietal  fino e aromático.

Curiosidade: A Alsácia já fez parte da Alemanha em mais de um momento da história. A região fazia parte da Alemanha.

A Alsácia passou a fazer parte da França apenas em 1944.

Apesar disso, o Gewürztraminer é realmente famoso na Alemanha, representando um dos vinhos ícones do país.


3. Vinho Branco Moscato

Origem: Os Moscatos são originários da Bacia do Mediterrâneo.

Estilos de vinho que produz: Seu fruto é de película branca e sabor moscatel. Pode produzir vinho branco, varietal fino de consumo breve.

Curiosidade: Pode contribuir em assemblages com vinhos fracos em aromas.


4. Vinho Branco Riesling Itálico

Origem: Europa Centro-Oriental.

Estilos de vinho que produz: Produz vinho branco, varietal fino, frutado e de consumo breve. Pode ser utilizado para espumantes. Seu fruto é de película branca e sabor simples.

Curiosidade: Possui grande afinidade com o terroir da Serra Gaúcha, apresentando bons vinhos na região.


5. Vinho Branco Sauvignon Blanc

Origem: Originária de Bordeaux e/ou do Vale do Loire, França.

Estilos de vinho que produz: Podem produzir vinhos leves para serem consumidor no verão ou vinhos encorpados para harmonização. Seu fruto possui película branca e sabor neutro.

Curiosidade: Ainda não conseguiu apresentar todo seu potencial no terroir da Serra Gaúcha.

Obviamente este não é um problema. A Serra Catarinense produz exemplares magníficos dessa variedade de uva.

Antes de mais nada, é importante ressaltar que a uva se adaptou perfeitamente ao terroir de altitude Catarinense. Atualmente, é aqui que o plantio e colheita da Sauvignon Blanc no Brasil vem se destacando.

Apesar da dificuldade em plantar esta cepa em regiões frias, a Serra Catarinense continua tendo sucesso na empreitada.

Com toda certeza, a amplitude térmica da Serra Catarinense propicia a colheita de excelentes safras de Sauvignon Branc.

Tendo em vista essa adaptabilidade, a região acabou por se destacar na produção de vinhos brancos. E entre eles, a Sauvignon Blanc.

É de lá que, obviamente, que saem os melhores Sauvignon Blancs nacionais. Um vinho branco de boa intensidade aromática e acidez vivaz.


6. Vinho Branco Sémillon

Origem: Originária de Bordeaux, França.

Estilos de vinho que produz: Produz vinho branco, varietal fino, de cosumo breve, levemente frutado. Origina bons vinhos nas condições da Serra Gaúcha.

Curiosidade: Santa Catarina começou a produzir Semillon para espumante em 2017.


7. Vinho Branco Trebbiano Toscano

Origem: Originária da Toscana, Itália.

Estilos de vinho que produz: Seu vinho varietal é de consumo breve. Seu fruto é de película branca e sabor simples.

Curiosidade: Pode ser um vinho para assemblages por ser neutro de aroma.


8. Vinho Branco Pinot Blanc

Origem: Originária da Borgonha, França.

Estilos de vinho que produz: Seu fruto é de película branca com sabor neutro, originando vinho branco fino não alcoólico.

Curiosidade: Provém de uma mutação da Pinot Noir, e recebe outros nomes na Alemanha.


9. Vinho Branco Pinot Gris ou Pinot Grigio

Origem: França.

Estilos de vinho que produz: Semelhante a Pinot Noir em outras características, sendo que produz vinhos em branco de bons aromas.

Curiosidade: Expeditamente popular nos Estados Unidos, já foi tema de músicas de Lady Gaga.


10. Vinho Branco Prosecco

Origem: Originária do norte da Itália. Fruto de película branca que atinge boa quantidade de açúcar.

Estilos de vinho que produz: É empregada na produção de espumantes pelo método Charmat, inclusive no Brasil.

Curiosidades: Destaca-se na qualidade dos produtos elaborados no Brasil.


11. Vinho Branco Torrontés

Origem: Faz parte de um grupo de brancas originárias da Galícia, Espanha.

Estilos de vinho que produz: Seus vinhos são muito aromáticos e finos, quase sempre lembrando flores brancas.

Curiosidades: Espalhou-se por países de colonização espanhola, faz excelentes vinhos na Argentina.


12. Vinho Branco Viognier

Origem: França.

Estilos de vinho que produz: Seu fruto é de película amarela forte, originando vinhos de coloração amarela intensa, de aroma complexo e com boa acidez.

Curiosidades: Variedade adepta aos ambientes quentes. Pode-se também utilizar seu vinho para espumantes ou vinhos doces. Pode suportar envelhecimento, porém, sem passagem por madeira.


Deu pra aprender um pouco sobre as uvas de vinho branco?

Conheça o Vinho Branco: As 12 principais uvas de vinho branco

Você notou que falamos sobre “variedades de uvas” brancas e não de “vinhos brancos”? Essa era a intenção.

Agora, conhecendo um pouco de cada uva, você já pode dizer qual variedade é responsável pelo seu vinho preferido. E aprender mais sobre ela!

Este post foi útil?

Clique em uma estrela para votar!

Postagens populares neste assunto

1 Comentário. Deixe novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu
APRENDA SOBRE VINHO COM CONTEÚDO GRATUITO!
Você irá receber as melhores aulas e postagens de forma gratuí­ta no seu e-mail! Sem pagar nada.
EU QUERO!
Esta janela aparecerá somente uma vez, aproveite,
em breve nossos cursos serão exclusivos para assinantes!
close-link

CONTEÚDO DE ACESSO VIP

 100% GRÁTIS  

Insira seu e-mail para fazer download da
Ficha de Avaliação de Vinhos
BAIXAR FICHA!