Fotógrafo captura como as pessoas mudam depois de 1, 2 e 3 taças de vinho

Matéria por:

O vinho funciona como um ansiolítico, baixando as barreiras sociais e a tensão nas pessoas, conforme vai sendo bebido. As fotos do fotógrafo brasileiro Marcos Alberti mostram exatamente esse efeito em 20 pessoas diferentes. 

O fotógrafo juntou os amigos e criou o projeto “3 taças depois”. Amigos, fotografia, vinho e boa conversa. “Tem uma frase que diz, a primeira taça é da comida, a segunda é do amor e a terceira é confusão. Queria ver se isso era verdade”, diz Marcos sobre a origem do projeto.

3 TAÇAS DEPOIS surge de uma brincadeira, mas não perde o bom humor em nenhum momento. A primeira foto sempre era feita assim que os convidados chegavam no estúdio, com o objetivo de retratar o estresse do trânsito ou o cansaço de um dia cheio. Só então começavam os trabalhos. Ao fim de cada taça, um novo clique.

E você, como fica depois da terceira taça? Será que fica melhor? CONFIRA AS FOTOS:

Gostou da sessão? Compartilhe com os amigos!

Este post foi útil?

Clique em uma estrela para votar!

Nota média / 5. Contagem de votos:

NO MESMO ASSUNTO
Diversão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Talvez Você Também Goste

Menu

Conteúdo de Acesso Premium

É grátis!
Insira seu e-mail para acessar a Ficha de Avaliação de Vinhos
Acesse Agora Mesmo