Qual o Tipo de Taça de Vinho Correto?

O vinho é uma das bebidas com cartela mais diversificada que existe, e escolher uma taça de vinho ideal pode ser um desafio. Você sabe qual é a taça de vinho tinto e qual é a taça de vinho branco? Consegue diferenciar as duas? Vamos ver se você está bom de jogo.

As Taças de Vinho

Sua gama de opções envolve diversos sabores, aromas e intensidades diferentes, fazendo com que pessoas ao redor de todo o mundo se interessem pela degustação de suas variedades.

As taças, assim como o vinho, tem sua própria história. Acertando a taça ideal para cada vinho, tudo estará certo. E a taça para vinho usada vai influenciar diretamente nessa variedade de aromas do vinho e cores do vinho que serão percebidas durante a degustação.

Falando em uma taça, é exatamente essa a medida exata que os médicos recomendam para a saúde, não é mesmo? Então vamos aprender um pouco sobre.

Porém, o que muita gente não sabe é o quanto a experiência de saborear um vinho pode ser incrementada – e muito – com a escolha certa da taça para cada tipo da bebida.

Nesse artigo, vamos conhecer quais são as taças que não podem faltar na cozinha de todo bom apreciador de vinhos.

Por que a escolha da taça é tão importante?

Cada tipo de vinho tem suas particularidades para torna-lo único. Alguns vinhos se destacam por seu aroma, outros por sua doçura ou, até mesmo, a acidez em seu sabor.

As taças de vinho, em vários formatos, tamanhos e profundidades, têm como papel principal agir sobre a forma como o líquido é conduzido até a boca e o nariz de quem está o bebendo.

Tudo isso com a intenção honesta de realçar aquilo que cada vinho tem de especial e tornar a degustação ainda mais prazerosa.

De qual material deve ser minha taça?

A taça de vinho ideal sempre deve ser feita de um material 100% transparente, não vá insistir em taças decorativas com vidros coloridos e detalhes em relevo que só irão atrapalhar a analise visual do vinho.

Isso porque você irá precisar analisar bem as cores do vinho para perceber o seu amadurecimento, dessa forma você poderá fazer isso observando a cor do vinho com facilidade. Além do paladar e o olfato, a visão também tem grande relevância na apreciação de um vinho.

Além disso, não há nada melhor para deixar uma mesa posta a espera dos amigos para uma boa janta, rodeada de lindas taças de vinho, não é mesmo? Além de úteis, servem como peça de decoração para as visitas.

Dessa forma, existem três opções de materiais de taça que podem ser utilizados:

Vidro, Cristal de Vidro ou Cristal?

Esses tipos de materiais se distinguem pela quantidade de chumbo presente em cada um deles. Sendo o maior teor existente no cristal e, o menor, no vidro.

O chumbo faz com que a espessura da taça de vinho seja menor, dando maior leveza e sonoridade no recipiente.

Ou seja, para uma melhor experiência de degustação, o cristal é o material ideal para a taça de vinhos.

Qual tipo de taça para vinho devo escolher?

Depois da realização de muitas pesquisas orientadas por especialistas no assunto. Hoje em dia podemos facilmente escolher a taça mais adequada para harmonizar com cada um de nossos vinhos favoritos.

Qual a taça de vinho branco?

Taça para Vinho BrancoEspecialistas defendem a ideia de que os vinhos brancos devem ser degustados em temperaturas mais baixas.

Diante disso, a taça ideal deve ter um tamanho reduzido, a fim de diminuir a área para troca de calor entre o líquido e o ambiente. Isso evita que a bebida esquente.

O vinho branco também chama atenção pelo contraste entre suas notas ácidas e doces, algo que é bastante destacado quando consumido em taças pequenas.

Qual a taça de vinho tinto?

Taça para Vinho Tinto

O vinho tinto é encorpado, intenso e destaca-se pelo aroma. É aconselhado servi-lo em pequenas quantidades dentro de uma taça com corpo grande.

Dessa forma, pode-se girar o líquido pelo recipiente, a fim de provocar agitação das moléculas e, consequentemente, intensificar sua fragrância. Um bom exemplo de um vinho que se beneficia desse processo é um bom Merlot.

Há dois modelos de taças que são utilizados para vinho tinto: Borgonha e Bordeaux.

Tipos de Taça de Vinho

  • A taça Borgonha tem formato de balão e são recomendadas para vinhos de uva Pinot Noir. Por ser um recipiente que permite grande contato do líquido com o ar. Esse tipo de taça destaca o aroma do vinho. Além de conduzi-lo diretamente para região da ponta e central da língua, onde a acidez é absorvida com menor intensidade.
  • A taça Bordeaux é ideal para vinhos de sabor mais forte e denso, geralmente originados da uva Cabernet Sauvignon. O recipiente tem bojo grande e borda fechada, o que faz com que o aroma fique concentrado. Esse formato também conduz o líquido para região da ponta da língua.

Qual a taça para vinho rosé?

Por ser originado de um processo curto de contato do mosto com a casca (tirando menos cor para o vinho), o vinho rosé tem um sabor contrastante que mistura acidez com certo adocicado.

A taça ideal para esse tipo de bebida deve apresentar corpo de tamanho reduzido e bojo maior. Aproveitar este que chega a ser um vinho afrodisíaco, segundo alguns.

Os recipientes específicos para servir vinho rosé não são tão populares quanto os demais e podem ser difíceis de se encontrar. Dessa forma, podem ser substituídos pelas taças para vinho branco que já mencionamos anteriormente.

Qual a taça para espumante?

Para espumantes, indica-se o uso de taças chamadas de “flauta”, que são compridas e com bojo fino.

Esse tipo de recipiente destaca as borbulhas da bebida, além de conduzir o aroma característico desses vinhos diretamente ao nariz.

Quanto maior o bojo desse tipo de taça, mais se destacarão os sabores.

São tantos os tipos de vinho, né? E olha que a gente nem esticou muito a postagem para falar dos licorosos, fortificados, entre outros.

O que é a taça ISO?

Quando se trata de taças, a ISO serve como uma espécie de “carta coringa”.

Esse modelo é pequeno quando comparado às outras taças, tem bojo largo levemente afunilado. Na parte superior e pode ser utilizado para servir qualquer tipo de vinho.

Essa taça é um ótimo investimento para quem ainda não pretende comprar todos os outros modelos.

Agora, sabendo quais são os tipos de taças e quando usar cada uma delas, você já pode degustar seu vinho favorito e aproveitar da melhor forma tudo que ele tem a oferecer.

Gostou desse artigo?

Quer saber ainda mais sobre vinhos? Continue navegando pelos nossos posts. Temos muito conteúdo disponível para você!

Não esqueça de deixar nos comentários o que você achou sobre o texto! 🙂

Este post foi útil?

Clique em uma estrela para votar!

Nota média / 5. Contagem de votos:

Este post ainda não tem votos, seja o primeiro!

Artigos Relacionados

Comente e entre na conversa! 🙂

6 Comentários. Deixe novo

  • Marcos Marcon
    Nubem Medeiros
    24 jul, 2020 23:17

    Material 100 translúcido?
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder
    • Qual sua sugestão Nubem? Transparentes talvez faça mais sentido, né? Minha intenção aqui era deixar claro pro pessoal passar longe de taças coloridas, por exemplo, muito comuns na decoração.

      Marcos.

      Responder
      • Marcos Marcon
        Nubem Medeiros
        25 jul, 2020 09:13

        Más o conceito de translúcido, meu amigo, é um conceito que os estudantes o adquirem ainda no Ensino Médio.
        Vou exagerar com um exemplo para entenderes: o dente é translúcido.

        Responder
        • Certíssimo. Translúcido, passa luz mas não se tem visão clara de objetos por trás. Verdade, fiz confusão mesmo e troquei as coisas na hora de escrever. Obrigado Nubem por apontar o erro de forma educada 🙂 corrigido!

          Grande abraço!
          Marcos Marcon

  • Marcos Marcon
    Claudia S Lima
    24 abr, 2019 17:55

    Estou encantada com esse blog. Parabéns pelo trabalho .

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

CONHECE NOSSO GUIA?
Como Degustar Vinho Como um Profissional
de R$29,90 por R$19,90

Menu